Mídia impressa

Mídia impressa ou online: qual o melhor?

Não menospreze nem uma nem a outra, ambas cumprem bem seu papel como propagadoras de notícias e formadoras de opinião, mesmo considerando que há diferença de público e alcance entre elas. Uma boa estratégia de divulgação definirá qual a mais indicada, considerando o perfil da empresa e de seu público-alvo, e do tema a ser abordado.

Em muitos casos é possível conciliar os dois meios de comunicação. A grande maioria dos veículos hoje, jornais e revistas, têm versão online e convive com relevantes mídias digitais.

De acordo a pesquisa do IVC, publicada pelo site Poder360, a circulação digital dos principais jornais do Brasil cresceu 3,3% em maio de 2021. Já para o primeiro semestre de 2021, na soma de todos os maiores jornais do país, houve uma queda de 12,2% na circulação impressa, de acordo com a pesquisa citada.

As mídias impressas e eletrônicas (TV e Rádio) ganharam novo fôlego com a internet. As empresas, especialmente de varejo, não ficam para trás, com vendas pelo e-commerce e lojas virtuais.

A divulgação nos veículos impressos com versão online ajuda a ranquear a empresa nas buscas do Google e a reforçar as ações nos meios digitais, de forma integrada. Como resultado, aumenta a percepção da marca e as informações sobre a empresa são perenes.

Em conclusão, os meios online de informação conquistam cada vez mais adeptos. Na relação com os jornalistas também ocorreram mudanças, como em coletivas de imprensa. O modelo tradicional, presencial, vem perdendo adesão da imprensa, que passou a optar por canais digitais.

Veja a dica anterior clicando aqui.

Tags: